Escolha uma Página

O processo de envelhecimento depende muito da nossa genética, mas também de como fazemos a prevenção e dos cuidados que tomamos ao longo dos anos. Podemos enxergar essas diferenças nas nossas fotos com diferentes idades.

Quando se trata de refinar o que já é belo, procedimentos estéticos cumprem bem o seu papel, priorizando a naturalidade, respeitando os traços característicos do paciente e mantendo sua essência, sem subtrair o que não tem necessidade e sobressair o que pode tornar o resultado superficial.

O rejuvenescimento não significa alteração total daquilo que apresentamos, mas sim o restabelecimento das estruturas perdidas!

Quando falamos sobre a saúde e beleza da pele, devemos sempre lembrar que, além de fatores externos como poluição e radiação solar, estão relacionados aos cuidados diários, aos seus hábitos alimentares e rotineiros, como de exercícios físicos. Uma rotina de cuidados bem planejada, alimentação saudável e boa hidratação contribuem, sim, para uma pele bonita e bem cuidada e, alguns procedimentos estéticos podem acrescentar e melhorar ainda mais – desde que aquilo que mencionamos, seja respeitado: a naturalidade e essência dos traços característicos.

Envelhecimento da Pele

O envelhecimento do organismo ao todo está relacionado a morte das células somáticas que, a partir de determinado tempo, passam a ser insubstituíveis. As funções fisiológicas da pele podem reduzir em até 50% até o alcance da meia idade, e por ser o órgão que mais aparenta os sinais do envelhecimento, estes ficam bastante perceptíveis.⠀

Pare e observe: como estão os seus hábitos alimentares, especialmente nesta quarentena?

Redução dos Sinais do Tempo

Como já mencionamos algumas vezes aqui, procedimentos minimamente invasivos são ótimas alternativas quando se trata da atenuação dos sinais do envelhecimento, como rugas (estáticas ou dinâmicas), pés de galinha, olheiras, perda de volume facial, perda de contorno, entre outros detalhes que podem ser considerados após uma boa avaliação.

Além disso, temos também procedimentos mais invasivos para sinais mais profundos, como o Lifting Facial. O importante é passar com bom profissional membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica para que o melhor plano de tratamento possa ser traçado para você. 😉